Volta de Lula abre espaço para Ciro e enterra Huck e Moro, afirma Lupi

Carta Capital

Candidatura do ex-presidente reforçará a polarização entre PT e Bolsonaro e abrirá caminho para o centro

A provável candidatura de Lula em 2022, após decisão do ministro Edson Fachin, do STF, de anular as condenações do ex-presidente no âmbito da Operação Lava Jato, foi recebida no PDT como uma oportunidade para Ciro Gomes, provável adversário do petista na disputa.

Na avaliação de Carlos Lupi, presidente nacional da sigla, a volta de Lula reforçará a polarização entre PT e Bolsonaro e abrirá um caminho para um candidato de centro.

Em conversa com Carta Capital, Lupi descartou uma aliança entre Lula e Ciro e afirmou que pretende formar um acordo com a centro esquerda.

“A volta do Lula abre um espaço para o Ciro, pois o ódio que vai se nutrir na campanha entre Lula e Bolsonaro

elimina de cara dois candidatos: Luciano Huck e Sergio Moro”, avaliou.

“O campo do Ciro vai crescer e , e a gente conseguir fazer uma aliança de centro esquerda, ele pode conseguir furar essa polarização e ser a grande alternativa para o Brasil”, aposta Lupi

Fonte: PDT Nacional e Carta Capital

Deixe uma resposta